Certamente o serviço militar é um tipo de atividade que demanda a realização de uma série de exercícios intensos. Portanto esses exercícios podem ser realizados nos mais diversos ambientes e em certos momentos necessitam da utilização de roupas e calçados específicos. Vale ressaltar que na maioria absoluta das vezes os militares utilizam calçados de segurança.

Primeiramente as características visuais mais marcantes e que nos vêm à mente quando se trata de serviço militar são farda e coturno. Assim a farda é o uniforme, a vestimenta padronizada que representa a tradição da profissão e reafirma seus valores. O coturno aquele calçado parecido com uma bota. Existem algumas diferenças pontuais entre os dois tipos de calçados, como o estilo de solado, por exemplo.

Você sabia que o coturno também é classificado como um calçado de segurança?

Eventualmente, o coturno é classificado como calçado de segurança devido ao seu alto grau de proteção. Apesar da semelhança com as botas, os coturnos são mais utilizados em determinadas atividades e principalmente em serviços militares. Apesar de cumprirem seu papel como calçado de segurança, eles também contribuem para as questões históricas e estéticas das profissões.

Todavia algumas atividades dos militares exigem muito dos pés e demandam uma proteção reforçada para maior segurança e conforto. O coturno tem a função de proteger os pés, evitar um atrito excessivo com o solo e dar mais estabilidade ao tornozelo.

Coturnos

O coturno 90C32 SELVA SRV é um modelo ocupacional com biqueira de plástico, confeccionado em couro e lona de algodão nas laterais. Possui fechamento em cadarço e proteção nas laterais, além de forração interna e solado bidensidade.

O solado reforçado é marca registrada nos coturnos. Este modelo é constituído de duas camadas de poliuretano (PU), injetado diretamente no cabedal. A primeira camada (entressola) é mais macia e leve, com densidade de 0,4g/cm3 proporcionando maior conforto. A segunda camada (sola) é mais compacta com densidade de 1,0 g/cm3, resistente a abrasão com sistema antiderrapante constituído de ranhuras especiais de 3mm de altura e 6mm de largura. Resistente ao escorregamento em piso cerâmico e piso de aço (Nível SRC).

Outro modelo de coturno Marluvas é o 70C32 MAT. Diferentemente do anterior, este não possui cadarço, seu fechamento é apenas com zíper nas laterais. Confeccionado em microfribra MMicro, o coturno possui colarinho acolchoado, biqueira de polipropileno e palmilha de montagem em poliéster resinado. O solado é isolante em PU bidensidade e sistema de absorção de impacto, injetado diretamente no cabedal.

A MMicro é uma microfibra de alta performance que proporciona, por meio de microporos, a transpiração, absorção e dessorção do suor. Sua textura é muito parecida com o couro, porém é lavável, mais leve e resistente a produtos químicos. Uma tecnologia que atende às normas NBR ISO 20344, NBR ISO 20345 e NBR ISO 20347 e à norma de conforto NBR 14834/2015.

Duas super opções para quem busca coturnos extremamente confortáveis, seguros e fabricados com as melhores tecnologias para calçado de segurança do mercado.

Calçado de segurança para atividades militares e offshore

Além do coturno existem também alguns outros modelos de calçados, como as botas, que são fabricados pensando especialmente em atividades militares e também para as offshore. Todos eles possuem características próximas às do coturno, mas a variação dos modelos são essenciais para adaptação aos diferentes tipos de ambientes e também para agregar valor estético ao calçado e à vestimenta do trabalhador. Vamos analisar algumas características desses calçados voltados para atividades intensas e que exigem proteção.

A primeira característica é o solado. A sola de um calçado de proteção precisa ser mais grossa e reforçada do que os solados de calçados comuns. Essa característica garante mais estabilidade e resistência. O solado grosso combinado com palmilhas especiais garantem resistência a cortes e perfurações. A Marluvas trabalha com diversas tecnologias aplicadas às suas palmilhas a fim de garantir conforto e segurança para os clientes.

Algumas Tecnologias Marluvas

Sem dúvida, a PAP é uma palmilha confeccionada em fibras de aramida não metálica e totalmente resistente à perfuração. Essa é uma palmilha leve e flexível, que cobre 100% da planta do pé. Por certo atendendo às especificações da NBR ISO 20344/2015 a PAP resiste a perfurações mínimas de 1100N. O calçado de segurança semelhante ao coturno possui biqueira de segurança. Por outro lado esse reforço na parte da frente do calçado oferece segurança aos pés evitando esmagamento no caso de queda de objetos pesados.

Sem dúvida a Marluvas possui em sua extensa lista de tecnologias para calçados uma biqueira ultrarresistente confeccionada em composite. Essa biqueira, não metálica, é mais leve, confortável e resiste a impactos de até 200J e compressão 1500N. Todas as características conforme determinações da norma NBR ISO 20345/2015. Além da composite existem também as biqueiras metálicas e as de polipropileno. Do mesmo modo o cano alto com fechamento em cadarço é outra marca do calçado de segurança voltado para militares e trabalho offshore.

Em conclusão o fechamento reforçado recebe auxílio do zíper na lateral do calçado para facilitar no momento de vestir e tirar. Em geral estes modelos de calçado de segurança são confeccionados em couro com tratamento impermeável, além de conter um sistema de absorção e dessorção de suor para controlar a temperatura corporal de quem está utilizando. Dependendo da necessidade o coturno ainda pode ser confeccionado com tecnologia anti chamas. Os calçados Marluvas possuem todas essas tecnologias.


Calçado de segurança para atividades militares


A saber, a Marluvas, líder absoluta no segmento de calçado de segurança, possui em seu catálogo uma série de modelos de calçado de segurança para atividades militares e offshore. Como resultado a bota de segurança 60C39 CPAP WP ZP, por exemplo, é um modelo de calçado que pode ser utilizado tanto em atividade militar quanto offshore. Esse é um calçado confeccionado em couro vaqueta hidrofugado antichamas e que possui em sua forração interna a tecnologia DryOut Water Proof: uma membrana de PU 100% impermeável e transpirável.

Desse modo o fechamento não possui componentes metálicos e sua biqueira é de composite, o que permite que este calçado de segurança seja utilizado também em atividades com risco de eletricidade. A palmilha, confeccionada em tecido poliéster, é resistente à perfuração e cobre 100% da planta dos pés. Por fim o solado é composto de um bicomponente de Poliuretano/Borracha e resiste ao contato com superfícies de até 300°C por 1 minuto.

Calçado de segurança tem que ter qualidade

Primordialmente a Marluvas produz calçados que atendem às normas nacionais e internacionais. A fim de manter a qualidade e a relação custo-benefício dos produtos, a empresa tem uma estrutura com softwares e equipamentos de última geração que agilizam  o desenvolvimento e os processos de fabricação. Acima de tudo os modelos são desenvolvidos a partir de pesquisas, buscando sempre alta performance, durabilidade e diferenciação no design para cada área de trabalho.

#Indicca – Geração de Conteúdo

#calçados de proteção #calçados militares #bota confortável #botas cano alto